P U B L I C I D A D E

24 de janeiro de 2017

Combate à Violência Doméstica e de Género:
Governo assina protocolos no Distrito de Portalegre

A Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Catarina Marcelino, preside hoje, dia 24 de Janeiro, em Portalegre, à assinatura de dois protocolos para a implementação da Estratégia de Combate à Violência Doméstica e de Género.
A cerimónia tem lugar pelas 10 horas nos Serviços Centrais do Instituto Politécnico de Portalegre, e estes protocolos abrangem o território das 15 Câmaras Municipais da CIMAA – Comunidade Intermunicipal do Alto Alentejo.
Cruz Vermelha Portalegre e APAV
Um desses protocolos é estabelecido com a delegação de Portalegre da Cruz Vermelha Portuguesa e abrange 29 de sete concelhos: Arronches, Campo Maior, Castelo de Vide, Elvas, Marvão, Monforte e Portalegre.
O segundo protocolo é assinado com a APAV - Associação Portuguesa de Apoio à Vítima, abrangendo 30 entidades dos concelhos de Alter do Chão, Avis, Crato, Fronteira, Gavião, Nisa, Ponte de Sor e Sousel.
O objetivo desta Estratégia de Combate à Violência Doméstica e de Género é alcançar uma cobertura nacional progressiva dos serviços de apoio e proteção às vítimas de violência doméstica e de género, através de respostas locais que envolvam, de forma articulada, as autarquias, as forças de segurança, a medicina legal, as entidades com competência em matéria de proteção social, as unidades de saúde, os bombeiros, as escolas ou as organizações não-governamentais.
No total, e ao longo de dois anos, o Governo prevê investir 1 milhão de euros na implementação desta estratégia. © NCV

Sem comentários: