P U B L I C I D A D E

21 de fevereiro de 2018

Livro “Judeus de Castelo de Vide” foi lançado em cerimónia concorrida ontem à tarde em Lisboa

Foto © NCV
Na presença de várias dezenas de pessoas, entre genealogistas, elementos da comunidade judaica e castelovidenses decorreu ontem ao final da tarde em Lisboa, na Livraria Ferin (Rua Nova do Almada) a cerimónia pública de lançamento do livro “Judeus de Castelo de Vide”, de autoria de Luís Projecto Calhau (ver notícia AQUI).
Na cerimónia, promovida - na sua qualidade de editor - pelo Laboratório de Estudos Judaicos, do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas da Universidade de Lisboa, esteve presente o Embaixador de Israel em Portugal, Raphael Gamzou, e usaram da palavra o Presidente do Laboratório de Estudos Judaicos, Professor Doutor António de Sousa Lara, o Presidente da Câmara Municipal de Castelo de Vide, António Pita - que prefaciou a obra - e finalmente o autor, que fez uma interessante apresentação da obra e de enquadramento histórico da presença judaica em Castelo de Vide e no Alto Alentejo.
Com António Pita deslocou-se a Lisboa o presidente da Junta de Freguesia de Póvoa e Meadas, António Simão, e um numeroso grupo de funcionários municipais ligados ao Gabinete Sócio-Cultural.
Trata-se de uma obra em 2 volumes (números 6 e 7, da sua colecção de Estudos Judaicos) editada pelo Laboratório de Estudos Judaicos (ISCSP-UL), e que conta desde a primeira hora com o apoio do Grupo de Amigos e do Notícias de Castelo de Vide, da Delta Cafés e da Câmara Municipal de Castelo de Vide, que viabilizou metade da pequena primeira edição de 200 exemplares agora dada à estampa.
Genealogia de 45 famílias cristãs-novas
Os dois volumes totalizam 680 páginas, nas quais se estuda detalhadamente a genealogia de 45 famílias cristãs-novas de Castelo de Vide, terra natal de Garcia d’Orta e, também, de Salgueiro Maia, capitão de Abril, que descendia de cristãos-novos.
Pela consulta dos processos-crime da Inquisição, na Torre do Tombo, fica a saber-se que muitos judeus de Castelo de Vide rumaram para Curaçao (Antilhas Holandesas), Amesterdão, Veneza, Toledo, Constantinopla, Rouen (França), Salónica. México, Peru, Haia e Jerusalém.

Onde e como adquirir

A obra pode ser adquirida (preço de 50 euros para o conjunto dos 2 volumes) diretamente junto do editor (comunicar por este email para receber todas as indicações de pagamento) e na Livraria Ferin em Lisboa; muito brevemente será também disponibilizada no Museu da Sinagoga e no Posto de Turismo em Castelo de Vide.
Como o NCV já noticiou (ver AQUI), a apresentação do livro em Castelo de Vide decorrerá durante a próxima Feira do Livro (16 a 31 de Março) em data concreta e local ainda a indicar. © NCV
Fotos © NCV

Sem comentários: