P U B L I C I D A D E

23 de novembro de 2016

Castelo de Vide melhorou no ranking
do Anuário Financeiro dos Municípios
- 6.º lugar entre 308 municípios portugueses
- 3.º lugar na eficiência financeira

“Conforme o Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses relativo ao ano de 2015, ontem divulgado pela Ordem dos Contabilistas Certificados (OCC) e amplamente divulgado pela comunicação social, em particular pela imprensa especializada em economia, Castelo de Vide passou a integrar o pódio ocupando o 3.º lugar no ranking global de eficiência financeira no contexto dos municípios de igual dimensão”.
“De acordo com os mesmos especialistas, Castelo de Vide atingiu o 6.º lugar no contexto dos 308 municípios portugueses. Ou seja, face aos anos anteriores, nos quais gradualmente Castelo de Vide tem vindo a subir posições, ano após ano, pela primeira vez fica no pódio perante seus congéneres, subindo 3 posições relativamente a 2014”.
“Releva-se, igualmente, que no contexto nacional (308 municípios) Castelo de Vide sobe 9 posições ficando assim no 6.º lugar no geral. Com estes resultados é destacadamente o município que demonstra melhor saúde financeira do Alentejo e um dos melhores do país”.
“Boa saúde financeira do Município”
“De acordo com o mesmo estudo, Castelo de Vide saiu da lista dos 50 municípios com menor independência financeira, isto é, passou a estar menos dependente das transferências do Estado”.
“A nível global, em relação aos 308 municípios, ocupa o 33.º lugar no que se refere ao grau de execução da receita cobrada com uma execução de 99,4% do orçamento da receita, referente ao ano de 2015”.
“Situa-se na 4.ª posição do ranking relativo ao menor passivo exigível, com 545.174€, e ocupa o 5.º lugar no índice de menor dívida total, com apenas 10,8%”.
“Perante estes resultados importa reconhecer que para a boa saúde financeira do município concorre o empenhamento, dedicação e competência dos trabalhadores e Executivo, que assim vêem reconhecido o seu trabalho no estudo de referência que analisa à lupa a situação económica e financeira dos municípios”. © CMCV/NCV
Este Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses 2015 e mais notícias encontram-se disponíveis AQUI.

Sem comentários: