P U B L I C I D A D E

21 de fevereiro de 2018

"Tai chi", música e "conversas de roda"
na próxima edição do Sábado Vivo

Clicar na imagem para ampliar o cartaz.

Proposta da Casa da Meada para celebrar
o Dia Internacional da Mulher (8 de Março)

Clicar na imagem para ampliar o cartaz.

Unanimidade na Assembleia Municipal de Marvão aprova moção do PS sobre túnel das “árvores fechadas"

A Assembleia Municipal de Marvão aprovou na sua recente reunião ordinária de Fevereiro uma moção apresentada pelo Partido Socialista sobre “Árvores Fechadas: unidade e ação municipal”.
Esta recomendação – que a seguir se publica na íntegra - dirigiu-se à Câmara Municipal de Marvão e destina-se a ser também endereçada ao Presidente da República, Presidente da Assembleia da República, Primeiro-Ministro, Ministro do Planeamento e das Infraestruturas, grupos Parlamentares da Assembleia da República, deputados pelo Círculo de Portalegre, CCDR Alentejo, CIMAA – Conselho Intermunicipal, Assembleia Intermunicipal – CIMAA, ICNF, I.P., Direção Regional de Cultura do Alentejo, Infraestruturas de Portugal, I.P. e comunicação social.
“A Assembleia Municipal de Marvão, consciente da importância natural e cultural da Alameda de Freixos na Estrada Nacional 246-1 (Escusa/Portagem), conhecida como Árvores Fechadas, cartão de visita do concelho de Marvão e reconhecida a nível internacional, vem desta forma marcar uma posição para reforçar a coesão de esforços na defesa deste património”.
“Os acontecimentos desde o dia 13 de fevereiro de 2017 até hoje são extensos e revelam duas coisas: é necessária unidade municipal em torno da defesa das Árvores Fechadas, para isso é indispensável haver liderança; é igualmente fundamental haver ação consequente e para isso é imperioso haver força política”.
Recomendações à Câmara Municipal
“Neste sentido a Assembleia Municipal vem recomendar à Câmara Municipal que:
a) promova as ações necessárias para a poda, rega gota-a-gota e replantação de Freixos;
b) mobilize a verba relativa aos estudos de arboricultura para iniciar um projeto de uma via alternativa a apresentar às entidades competentes;
c) exerça os esforços necessários para assegurar a classificação como património de interesse municipal, conforme deliberado em reunião de Câmara Municipal de 20 de fevereiro de 2017.
d) não excluam nem omitam informação, em qualquer fase do processo, à Junta de Freguesia de São Salvador da Aramenha”.
Solicitação às “entidades competentes”
“No mesmo sentido, mas direccionado às entidades competentes, a Assembleia Municipal de Marvão solicita que:
a) seja respeitado o espírito da audição da petição “Vamos salvar as Árvores Fechadas”, na Assembleia da República a 17 de maio de 2017, e se inicie o processo tendo em vista a viabilização da construção da via alternativa às Árvores Fechadas;
b) os trabalhos de intervenção nas Árvores Fechadas tenham sempre presente a sua singularidade e seja assegurada toda a informação possível à população;
c) seja reconhecido rapidamente valor patrimonial e cultural daquele espaço, através do processo de classificação como património de interesse municipal.
d) não seja abatida mais nenhuma árvore sem prévio aviso aos Órgãos das Autarquias Locais (Assembleia Municipal, Câmara Municipal e Juntas de Freguesia) de tal facto, sinalizando a intervenção e as datas previstas para a mesma”.
Reforçada a “unidade municipal”
Por tudo isto ser uma preocupação primordial no concelho de Marvão, a Assembleia Municipal, deliberou no dia 16 de Fevereiro de 2018 aprovar este texto por unanimidade e enviá-lo às entidades competentes, reforçando a unidade municipal em torno do tema e exigindo ação na defesa das Árvores Fechadas”.
(Subtítulos da responsabilidade da Redação do NCV)

GNR Elvas apreendeu 218 plantas de “cannabis” e prendeu 2 pessoas em Elvas

O Comando Territorial de Portalegre da GNR, através do Destacamento Territorial de Elvas, na localidade de Campo Maior, deteve ontem, dia 20 de Fevereiro, em Campo Maior, um casal estrangeiro, com 63 e 65 anos, por tráfico de estupefacientes. 
No âmbito de uma investigação por tráfico de estupefacientes que decorria há uma semana, foi realizada uma busca domiciliária que permitiu localizar uma estufa anexa à habitação, utilizada na produção de plantas de cannabis e munida com sistemas de irrigação, iluminação, aquecimento, ventilação e extração, encontrando-se no seu interior 218 plantas de cannabis com uma altura média de 1,60 metros. 
Durante a busca, foram apreendidas: 218 plantas de cannabis, 144 doses de cannabis, duas caçadeiras, uma carabina calibre .22, 70 munições de diversos calibres, duas balanças de precisão, 400 euros em numerário e quatro telemóveis. 
A operação contou com o apoio do Destacamento de Intervenção e os detidos foram presentes hoje dia 21 de Fevereiro ao Tribunal Judicial da Comarca de Elvas. © NCV

Livro “Judeus de Castelo de Vide” foi lançado em cerimónia concorrida ontem à tarde em Lisboa

Foto © NCV
Na presença de várias dezenas de pessoas, entre genealogistas, elementos da comunidade judaica e castelovidenses decorreu ontem ao final da tarde em Lisboa, na Livraria Ferin (Rua Nova do Almada) a cerimónia pública de lançamento do livro “Judeus de Castelo de Vide”, de autoria de Luís Projecto Calhau (ver notícia AQUI).
Na cerimónia, promovida - na sua qualidade de editor - pelo Laboratório de Estudos Judaicos, do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas da Universidade de Lisboa, esteve presente o Embaixador de Israel em Portugal, Raphael Gamzou, e usaram da palavra o Presidente do Laboratório de Estudos Judaicos, Professor Doutor António de Sousa Lara, o Presidente da Câmara Municipal de Castelo de Vide, António Pita - que prefaciou a obra - e finalmente o autor, que fez uma interessante apresentação da obra e de enquadramento histórico da presença judaica em Castelo de Vide e no Alto Alentejo.
Com António Pita deslocou-se a Lisboa o presidente da Junta de Freguesia de Póvoa e Meadas, António Simão, e um numeroso grupo de funcionários municipais ligados ao Gabinete Sócio-Cultural.
Trata-se de uma obra em 2 volumes (números 6 e 7, da sua colecção de Estudos Judaicos) editada pelo Laboratório de Estudos Judaicos (ISCSP-UL), e que conta desde a primeira hora com o apoio do Grupo de Amigos e do Notícias de Castelo de Vide, da Delta Cafés e da Câmara Municipal de Castelo de Vide, que viabilizou metade da pequena primeira edição de 200 exemplares agora dada à estampa.
Genealogia de 45 famílias cristãs-novas
Os dois volumes totalizam 680 páginas, nas quais se estuda detalhadamente a genealogia de 45 famílias cristãs-novas de Castelo de Vide, terra natal de Garcia d’Orta e, também, de Salgueiro Maia, capitão de Abril, que descendia de cristãos-novos.
Pela consulta dos processos-crime da Inquisição, na Torre do Tombo, fica a saber-se que muitos judeus de Castelo de Vide rumaram para Curaçao (Antilhas Holandesas), Amesterdão, Veneza, Toledo, Constantinopla, Rouen (França), Salónica. México, Peru, Haia e Jerusalém.

Onde e como adquirir

A obra pode ser adquirida (preço de 50 euros para o conjunto dos 2 volumes) diretamente junto do editor (comunicar por este email para receber todas as indicações de pagamento) e na Livraria Ferin em Lisboa; muito brevemente será também disponibilizada no Museu da Sinagoga e no Posto de Turismo em Castelo de Vide.
Como o NCV já noticiou (ver AQUI), a apresentação do livro em Castelo de Vide decorrerá durante a próxima Feira do Livro (16 a 31 de Março) em data concreta e local ainda a indicar. © NCV
Fotos © NCV

Atletismo da ADCV na XX Milha das Galveias

Clicar na imagem par ampliar o cartaz.
A equipa de atletismo da ADCV fez-se repreentar na XX Milha das Galveias. 
Beatriz Picado averbou um 4° lugar do seu escalão com a marca de 6:25 minutos, e João Turíbia foi 5° no seu escalão e 24° da geral, com o tempo de 5:51 minutos. © NCV

Propostas artísticas até 28 de Fevereiro:
Festival Andanças 2018 terá o mesmo formato
e vai contar com programação multidisciplinar

Tal como o NCV já havia noticiado (ver AQUI) a Associação Péde Xumbo acaba de recordar que estão abertas as candidaturas para a programação artística do Andanças 2018, que está de regresso à vila de Castelo de Vide, de 1 a 5 de Agosto. No comunicado agora difundido, a associação organizadora sublinha que “este ano o Festival mantém o mesmo formato da edição de 2017, contando com uma programação multidisciplinar”.

As propostas para a programação artística do Andanças 2018 poderão ser enviadas através de formulário online, disponível até ao dia 28 de Fevereiro (ver toda a informação AQUI).
A PédeXumbo, entidade organizadora deste festival pretende receber propostas artísticas nas diferentes áreas - música, dança, teatro, circo, artes visuais, cinema, instalações artísticas, etc - “mas também de atividades de desenvolvimento pessoal, que integrem valores cooperativos e sustentáveis, e apresentem formas inovadoras de expressão”.
E recentemente apelou aos castelovidenses para que apresentassem também “propostas locais” (ver notícia AQUI),
Ao longo de 23 edições o Festival Andanças “tem-se afirmado como um Festival marcante na música e na dança em Portugal, onde artistas e públicos interagem ativamente com práticas tradicionais, reinventando-as e fundindo-as com expressões artísticas emergentes e inovadoras”.
A apresentação pública do Festival andanças 2018 em Castelo de Vide está agora agendada para o próximo dia 16 de Março (6ª feira) de manhã (vd notícia AQUI).  © NCV

Cinema em Fevereiro: “As Cinquenta Sombras Livre” no Domingo em 2 sessões (18 e 21:30 horas)


Género: Drama, Romance, Thriller Duração: 110m País: EUA Ano: 2018 (M/16)
Realizador: James Foley
Actores: Dakota Johnson, Jamie Dornan, Eric Johnson, Eloise Mumford, Rita Ora, Luke Grimes, Victor Rasuk, Max Martini
Sinopse: Jamie Dornan e Dakota Johnson regressam como Christian Grey e Anastasia Steele em "As Cinquenta Sombras Livre", o terceiro capítulo baseado no fenómeno mundial de vendas "Cinquenta Sombras". Depois dos sucessos de bilheteira de 2015 e 2017, que amealharam quase 950 milhões de dólares em todo o mundo, o novo filme chega aos cinemas em 2018, perto do Dia dos Namorados.

GNR registou 8 acidentes (2 feridos leves) e 168 infrações de trânsito entre 12 e 18 de Fevereiro

Na semana de 12 a 18 de Fevereiro, o Comando Territorial de Portalegre da GNR registou 8 acidentes com 2 feridos leves e detetou 168 infrações (multas), destacando-se 54 por excesso de velocidade, 17 por condução sob o efeito de álcool, 11 alusivas a infrações nos tacógrafos e 10 respeitantes a falta de inspeção periódica de veículos.
Foram efetuadas 34 detenções em flagrante delito, 21 por furto de produtos agrícolas, 9 por condução sob o efeito de álcool, 3 por outros crimes rodoviários e um por falta de habilitação legal para conduzir. Foram apreendidos cerca de 600 quilos de azeitona (ver notícia AQUI).
Quanto à fiscalização geral foram levantados 15 autos de contraordenação no âmbito da legislação policial e da legislação da proteção da natureza e do ambiente.
As ações de sensibilização foram 22 no âmbito do programa Idosos em Segurança, tendo sido sensibilizados 560 idosos, dez no âmbito do programa Comércio Seguro, sendo sensibilizados 49 comerciantes, e sete no âmbito do programa Escola Segura, abrangendo 610 pessoas entre alunos, pais e professores. © NCV

Orfeão de Portalegre: concerto do 38º aniversário
no próximo sábado (16:30 horas) no CAEP

Clicar na imagem para ampliar.


Dois workshops sobre "O Consumidor do Séc. XXI"
no dia 2 de Março (6ª feira) em Portalegre

Clicar na imagem para ampliar o cartaz.

Procissão do Senhor dos Passos em Nisa
no Domingo 4 de Março (programa)

Clicar na imagem para ampliar  o cartaz.

20 de fevereiro de 2018

Futebol da ADCV: Iniciados empataram
- Benjamins e Infantis ganharam

Benjamins
ADCV, 4 - FC Morfontense, 2
Infantis
CD Portalegrense,1 - ADCV, 3
Iniciados
ADCV, 1 - Os Elvenses, 1

Formação modular gratuita em conservação e restauro do livro na ESTG do Politécnico de Portalegre

Clicar na imagem para ampliar o folheto.
Estão abertas as inscrições para a formação modular em “Conservação e Restauro do Livro – Princípios Básicos” (Nível QNQ: 4), promovida pelo CEARTE.
O plano curricular inclui conservação e restauro do livro - princípios básicos, identificação de patologias em livros, higienização do livro, planificação pontual de rugas, dobras e rasgões, estabilização química do suporte, hidratação da capa do livro e acondicionamento do livro.
O curso terá início no dia 3 de Março e decorre até 7 de Abril e terá lugar aos sábados (das 9 às 13 e das 14 às 18 horas) na ESTG – IPPortalegre, num total de 40 horas.
A formação tem inscrição e frequência gratuitas (AQUI) e é aberta a todos os interessados, como artesãos, ativos empregados ou desempregados com interesse na aquisição de competências específicas nesta área. © NCV

“Ciclo de formação agentes desportivos”
decorre de Fevereiro a Maio em Portalegre

Clicar na imagem para ampliar.
A Câmara Municipal de Portalegre promove de Fevereiro a Maio deste ano um Ciclo de Formação para Agentes Desportivos, em parceria com o Comité Olímpico de Portugal, a Confederação Portuguesa das Associações de Treinadores e o Instituto Português do Desporto e Juventude.
As sessões deste ciclo de formação realizam-se no Auditório do Museu da Tapeçaria Guy Fino de Portalegre, no período compreendido entre as 19:30 e as 23 horas, com início na próxima sexta-feira dia 23 de Fevereiro. As inscrições são gratuitas e são aeites até amanhã.
Trata-se de um programa integrado de formação, constituído por diversos painéis temáticos proporcionados por personalidades de reconhecido mérito desportivo, destinadas fundamentalmente a agentes desportivos (dirigentes, treinadores, gestores, técnicos, professores, etc.). © NCV

III Corta-Mato de Marvão no próximo sábado à tarde no antigo golfe da Ammaia (Portagem)

Clicar na imagem para ampliar o cartaz.
O III Corta-Mato de Marvão, organizado pelo Município e pelo Grupo Desportivo Arenense, em parceria com a Associação de Atletismo do Distrito de Portalegre, realiza-se no próximo sábado dia 24 de Fevereiro, a partir das 14 horas, no antigo Campo de Golf de Ammaia, na Portagem.
As inscrições encerram amanhã quarta-feira dia 21 de Fevereiro, às 24 horas. © NCV
Mais informação e inscrições AQUI

GNR fez 21 detidos por furto de azeitona
nos concelhos de Monforte, Avis e Sousel

O Comando Territorial de Portalegre da GNR, através do Destacamento Territorial de Elvas e do Destacamento Territorial de Ponte de Sôr, ontem, dia 18 de Fevereiro, deteve em flagrante 12 homens e nove mulheres com idades compreendidas entre os 16 e os 63 anos por furto de produtos agrícolas, nas localidades de Monforte, Avis e Sousel. Os suspeitos foram constituídos arguidos e sujeitos a termo de identidade e residência.
No decurso de várias ações de policiamento com o intuito de prevenir o furto de produtos agrícolas, os militares detiveram os suspeitos por vários furtos de azeitona, tendo sido apreendidos 660 quilos de azeitona furtada.
Para além do produto agrícola, foram ainda apreendidos vários instrumentos para a apanha do fruto, assim como duas viaturas.
Recolha de 6 cães abandonados em Monforte
Por outro lado, o Comando Territorial de Portalegre da GNR informou que, através do Posto Territorial de Monforte, recuperou na passada segunda-feira dia 19 de Fevereiro seis canídeos abandonados na localidade de Monforte.
No âmbito de uma fiscalização naquela localidade, os militares recolheram seis canídeos para o canil municipal, “por não possuírem detentor”, tendo ainda sido elaborados 12 autos de contraordenação a proprietários de canídeos, por incumprimento das condições de detenção, nomeadamente, a falta de registo, de vacinação, de licença e de chip. Esta operação contou com a colaboração com a Câmara Municipal de Monforte. © NCV

Divulgado amanhã em Portalegre o "Sistema de Incentivos à Inovação Produtiva e ao Empreendedorismo Qualificado"

Clicar na imagem para ampliar.
Amanhã, dia 21 de Fevereiro, pelas 11 horas, na sede do NERPOR-AE (Portalegre) decorrerá uma sessão aberta ao público de divulgação do "Sistema de Incentivos à Inovação Produtiva e ao Empreendedorismo Qualificado".
A Autoridade de Gestão do Programa Operacional Regional do Alentejo, em colaboração com as Comunidades Intermunicipais (CIMs) e os Núcleos Empresariais (NER), estão a promover, durante o mês de Fevereiro, sessões de divulgação deste importante Sistema de Incentivos abrangendo todo o território NUTIII. 
Os avisos de abertura de candidaturas já foram abertos e estão divulgados no site do Alentejo 2020. © NCV

Turismo do Alentejo / Ribatejo promove Workshop de capacitação e qualificação do Enoturismo

A Turismo do Alentejo / Ribatejo - em parceria com a CVR Alentejo, a CVR Tejo e a APV Costa Alentejana – deu início hoje, dia 20 de Fevereiro, no Cartaxo, ao segundo c “A realidade do Enoturismo em Portugal”.
Realizado no âmbito do projeto “Organização, Estruturação e Promoção Empresarial do Enoturismo no Alentejo e Ribatejo”, a sessão técnica - que terá lugar também na Vidigueira, Monforte e Grândola - tem por objetivo apresentar boas práticas de enoturismos nacionais e debater ideias que possam alavancar os enoturismos do território.
Neste sentido, no decorrer do workshop serão abordados temas como “Condições ideiais para o enoturismo”; “O enoturismo em Portugal versus enoturismo internacional”; e “Investir no enoturismo, uma aposta segura”.
Dar a conhecer aos agentes e investidores as potencialidades do enoturismo nas regiões Alentejo e Ribatejo, estruturar, qualificar e promover o desenvolvimento sustentável desta atividade turística e, consequentemente, alavancar a divulgação do vinho e de toda a sua cadeia de valor são os objetivos promordiais do projeto “Organização, Estruturação e Promoção Empresarial do Enoturismo no Alentejo e Ribatejo” que a está a ser desenvolvido pela Entidade Regional de Turismo. © NCV

Apresentação pública do Festival Andanças 2018 adiada para a sexta-feira dia 16 de Março (11 horas)

Clicar na imagem para ampliar o Aviso.
A apresentação pública do Festival Andanças 2018 que estava marcada para amanhã, quarta-feira dia 21 de Fevereiro à tarde (ver notícia AQUI) foi adiada para a 6ª feira dia 16 de Março, pelas 11 horas no Salão Nobre dos Paços do Concelho, com a presença de membros da Associação PédeXumbo, organizadora do evento.
Nova imagem e site oficial
De acordo com o Aviso do Presidente da Câmara Municipal, António Pita, nessa altura "será divulgada a nova imagem do Festival, bem como o site oficial 2018 e outras novidades para a presente edição" Segundo a mesma fonte, "será ainda sorteada uma entrada para o Festival na sequência do sorteio a decorrer brevemente no âmbito da realização da Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL 28/2 a 4/3)".
Alterações ao modelo do ano passado
A Informação municipal divulgada inicialmente por António Pita adianta que "como já foi divulgado, a edição do presente ano será realizada entre o dia 1 (quarta-feira) e o dia 5 de Agosto (Domingo) (...) pelo que a maior duração do festival e o facto de compreender um fim-de-semana obrigará a alterações face ao modelo do ano transacto". © NCV

Jantar convívio na 5ª feira 8 de Março assinala
o Dia Internacional da Mulher em Póvoa e Meadas

Clicar na imagem para ampliar o cartaz.

Programa "Marvão Walking Destination"
regressa na Páscoa (30 de Março a 1 de Abril)

Clicar na imagem para ampliar o cartaz.
A empresa SAL de José Pedro Calheiros organiza novamente este ano o Marvão Walking Destination no fim de semana da Páscoa em Marvão (de 30 de Março a 1 de Abril).
O programa inclui 3 passeios pedestres: "Calçadas de Marvão" no primeiro dia, "Entre Muros e Fronteiras" no segundo e "Conquista do Ninho da Águia" a partir de Castelo de Vide e com destino a Marvão na manhã de Domingo de Páscoa.
A iniciativa conta com a cooperação ativa praticamente da totalidade da variada oferta turística do concelho de Marvão, nada mais nada menos do que 4 estabelecimentos hoteleiros, 20 “casas de campo”, 3 parques de campismo e 16 unidades de alojamento local. © NCV
Ver mais informações AQUI.

Workshop a 7 de Março em Ponte de Sôr sobre "Gestão Florestal Adaptativa em Alterações Climáticas"

A UNAC - União da Floresta Mediterrânica vai realizar, no próximo dia 7 de Março em Ponte de Sor, no Centro de Artes e Cultura o workshop "Gestão Florestal Adaptativa em Alterações Climáticas". 
Este workshop está enquadrado num ciclo de transferência de conhecimento designado "+ Conhecimento/ha", que visa a partilha de inovação e a incorporação de práticas de gestão mais adequadas. 
A floresta portuguesa está assim particularmente sujeita aos efeitos do "custo de contexto" climático, pelo que é cada vez mais urgente identificar e transferir conhecimento para os produtores florestais relativamente aos efeitos e impactos das alterações climáticas, assim como a práticas de gestão florestal adaptativa. © NCV

19 de fevereiro de 2018

Daniel Carreiras da Silva e Diogo Cúmano
no Congresso Nacional do PSD em Lisboa




Conforme o NCV noticiou (ver notícia AQUI) Castelo de Vide esteve presente no Congresso Nacional do PSD neste fim-de-semana em Lisboa através dos deputados municipais Daniel Carreiras da Silva e Diogo Cúmano. 
O primeiro, que é também o atual presidente da Comissão Política da Secção Concelhia do PSD de Castelo de Vide, e ex-vice-presidente da Câmara Municipal participou como delegado eleito em Janeiro passado pela estrutura local (vd notícia AQUI). O segundo, que é Presidente da Comissão Política Distrital da JSD, participou enquanto Conselheiro Nacional do PSD. 
Diogo Cúmano fez uma intervenção no Congresso que reproduzimos na íntegra junto a esta notícia, relativa ao distrito de Portalegre, e Daniel Carreiras da Silva fez publicar um longo relato de apreciação pessoal e política na página do PSD de Castelo de Vide (ver AQUI). © NCV

Assembleia Municipal na próxima 6ª feira: reforço financeiro à Junta de Freguesia de Póvoa e Meadas e constituição do Conselho Municipal de Educação

Clicar na imagem para ampliar.
Clicar na imagem para ampliar.

Dias Abertos do Politécnico de Portalegre
decorrem de 27 de Fevereiro a 1 de Março


De 27 de Fevereiro a 1 de Março os finalistas do secundário terão oportunidade de conhecer e contactar diretamente com as áreas de ensino e investigação do Instituto Politécnico de Portalegre e esclarecer dúvidas sobre o processo de candidatura ao ensino superior, a bolsas e programas de apoio, à mobilidade internacional (Programa Erasmus), entre outros. A inscrição pode ser efetuada AQUI.
Os pais e encarregados de educação também estão convidados para esta iniciativa do IPP, em relação à qual podem ser obtidas mais informações AQUI. © NCV

Livro “Judeus de Castelo de Vide” é lançado amanhã à tarde na livraria Ferin em Lisboa

Clicar na imagem para ampliar.
A cerimónia pública de lançamento do livro “Judeus de Castelo de Vide”, de autoria de Luís Projecto Calhau (ver notícia AQUI), terá lugar amanhã dia 20 de Fevereiro, pelas 18h:30 horas, na Livraria Ferin (Rua Nova do Almada, 72) em Lisboa.
Na cerimónia, promovida - na sua qualidade de editora - pelo Laboratório de Estudos Judaicos, do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas da Universidade de Lisboa, estarão presentes o Embaixador de Israel, Raphael Gamzou, o Presidente da Câmara Municipal de Castelo de Vide, António Pita, o Presidente do Laboratório de Estudos Judaicos, Professor Doutor António de Sousa Lara, o coordenador da edição, Dr. Nuno Borrego, bem como o próprio autor.
Conhecer melhor o património judaico local
Numa nota sobre o lançamento desta obra, que conta também com o apoio do Grupo de Amigos e do Notícias de Castelo de Vide, a Câmara Municipal Sublinha “a importância deste projeto na medida em que constitui um marco decisivo para o conhecimento histórico e social relacionado com o património judaico castelo-vidense”. 
“A tarefa de reconstruir genealogias e agregados familiares, identificar as inter-relações numa lógica de integração de comunidade ou de processos de mobilidade social alargadas ao território da diáspora, de descortinar as funções sociais e laborais no quadro dos processos de cooperação e concertação ao nível da vida local da época, representa um avanço científico ímpar e substantivo”.
Apresentação em Castelo de Vide
Conforme o NCV já anunciou (ver AQUI) esta obra será apresentada em Castelo de Vide na abertura da Feira do Livro deste ano em Castelo de Vide, que está agendada para decorrer entre 16 e 31 de Março. ©  NCV

Dança sénior: Sarau da Camélia no próximo sábado à tarde no Centro Municipal de Cultura

Clicar na imagem para ampliar o cartaz.

Bombeiros Mistos de Castelo de Vide promovem campanha de angariação de sócios 2018

Clicar na imagem para ampliar o cartaz.

Núcleo do Sporting CP em Portalegre em almoço do 27º aniversário no sábado dia 3 de Março

Clicar na imagem para ampliar o cartaz.

XIX Matança do Porco do Moto Clube de Marvão no sábado 24 de Março na Portagem


Clicar na imagem para ampliar o cartaz.

18 de fevereiro de 2018

Augusto José Chaves celebra hoje o 100º aniversário

Augusto José Chaves festejou hoje, em companhia da família, o seu 100º aniversário. 
Nasceu em Castelo de Vide a 18 de Fevereiro de 1918, filho de Mamede da Conceição Chaves e de Maria Filomena Coentro. 
Perdeu os pais quando tinha 11 anos, num espaço de 15 dias entre o falecimento dos dois. Cedo teve que tomar conta da vida com mais 4 irmãos, tendo a mais velha, Maria Ana, assumido o lugar de mãe. 
Trabalhou como barbeiro, padeiro, cobrador da rodoviária nacional e taxista. Encontra-se bem de saúde, com as suas piadas habituais, na companhia da filha, dos dois netos e de um bisneto.
Depois da família, a celebração estendeu-se ao Lar de Santo Amro da Santa Casa da Misericórdia de Castelo de Vide, onde vive atualmente. © NCV

Judo da Casa do Povo de Castelo de Vide:
Filipe Amaro e Nelson Almeida no Campeonato Nacional de Veteranos em Coimbra

Realizou-se no passado sábado, dia 10 de Fevereiro, em Castelo de Vide, o Apuramento Zonal de Juniores. A prova decorreu no Pavilhão dos Bombeiros Voluntários de Castelo de Vide (ver notícia AQUI) e contou com a presença dos atletas Henrique Ferreira, Ana Canário e Manuel Brandão. Os dois primeiros, apuraram-se diretamente para o Campeonato Nacional, nas respetivas categorias de peso.
O atleta Manuel Brandão ficou em 3º lugar, na categoria de -66 kg e aguardará pelas vagas da competição nacional.
A secção de judo Casa do Povo de Castelo de Vide irá a Coimbra no dia 3 para o Campeonato Nacional de Juniores e ficará para o Campeonato Nacional de Veteranos, de dia 4, onde participarão os atletas Filipe Amaro e Nelson Almeida. © NCV

Cinema em Fevereiro: “As Cinquenta Sombras Livre” no Domingo dia 25 (18 e 21:30 horas)

Género: Drama, Romance, Thriller Duração: 110m País: EUA Ano: 2018 (M/16)
Realizador: James Foley
Actores: Dakota Johnson, Jamie Dornan, Eric Johnson, Eloise Mumford, Rita Ora, Luke Grimes, Victor Rasuk, Max Martini
Sinopse: Jamie Dornan e Dakota Johnson regressam como Christian Grey e Anastasia Steele em "As Cinquenta Sombras Livre", o terceiro capítulo baseado no fenómeno mundial de vendas "Cinquenta Sombras". Depois dos sucessos de bilheteira de 2015 e 2017, que amealharam quase 950 milhões de dólares em todo o mundo, o novo filme chega aos cinemas em 2018, perto do Dia dos Namorados.

Estórias do Mês: Figurões e Trapalhices

Clicar na imagem para ampliar.
Clicar na imagem para ampliar. 

Festival Periferias está nomeado para a terceira edição dos Iberian Festival Awards

Clicar na imagem para ampliar o cartaz.
O “Periferias” - Festival Internacional de Cinema de Marvão e Valência de Alcântara está nomeado para a 3ª edição dos Iberian Festival Awards, na categoria “Best Non-Music Festival”. A gala de entrega dos prémios realiza-se no Fórum Lisboa, no dia 15 de Março.

Recorda-se que a sexta edição do Festival Internacional de Cinema decorre, entre 10 e 19 de Agosto, em várias localidades do concelho de Marvão e em Valência de Alcântara. © NCV

Mensagem quaresmal do bispo D. Antonino Dias

Quaresma 2018: 
a lógica do dom que gera confiança
"Todos os anos a Quaresma surge na Igreja como dom e tempo favorável para, progressivamente, cada um de nós ser mais capaz de viver da graça e do dom de Deus assumindo no nosso quotidiano o estilo de Jesus Cristo. É o tempo por excelência de quem se prepara e dá passos para ser batizado na fé em Jesus Cristo. É o tempo em que os cristãos, já batizados e a viver a história de todos os dias, são desafiados a reavivar o dom do seu batismo e a refontalizar a sua fé"
O centro do Cristianismo católico e da vida da Igreja é a Pessoa e o Mistério de Jesus Cristo. E o centro da Pessoa e do Mistério de Jesus Cristo é o seu Mistério pascal. É a Sua encarnação e o dom de Si mesmo pela vida do mundo. É a Sua morte na Cruz como plenitude da vida entregue por amor. É a Ressurreição como revelação de que o amor é mais forte do que a própria morte.
Centro da vida de Jesus Cristo, o Mistério pascal de Cristo mostra-nos o que é dar plenitude à vida: nascer e agradecer quotidianamente o dom e o valor da vida, comungar a vida dos outros e servi-los particularmente onde e quando necessitam, esquecermo-nos de nós próprios, unirmo-nos a Deus na oração filial, acolher sem julgar, deixarmo-nos surpreender pela novidade de Deus, não temer remar contra a corrente, ser radicalmente pela verdade que liberta e pela justiça que responsabiliza e ajusta, despojar-se de tudo o que impede de ajoelhar aos pés de Deus e das necessidades dos outros, deixar cair a capa da autossuficiência, ser próximo e livre, amar e perdoar mesmo quando parece impossível e o mundo refuta a motivação. É viver a fidelidade com amor de oblação mesmo quando nela se vislumbra a Cruz, a solidão.
Todos os anos a Quaresma surge na Igreja como dom e tempo favorável para, progressivamente, cada um de nós ser mais capaz de viver da graça e do dom de Deus assumindo no nosso quotidiano o estilo de Jesus Cristo. É o tempo por excelência de quem se prepara e dá passos para ser batizado na fé em Jesus Cristo. É o tempo em que os cristãos, já batizados e a viver a história de todos os dias, são desafiados a reavivar o dom do seu batismo e a refontalizar a sua fé.
A fé cristã, a nossa fé cristã, tem sempre a marca existencial da confiança absoluta em Jesus Cristo. A sua identidade envolve-nos, a sua Palavra cria-nos e recria-nos, os seus gestos modelam a nossa maneira de agir, a sua oração assume as nossas súplicas e ações de graças e ensina-nos a rezar. A fé cristã é simultaneamente dom e resposta. É fundamentalmente uma atitude de confiança em Jesus Cristo e na sua verdade revelada. É uma relação pessoal vivida num enquadramento comunitário. É uma atitude existencial que envolve tudo o que somos, fazemos e pensamos. É uma experiência de libertação porque de caminho e de purificação. Ela envolve a esperança e o amor como dimensões da sua realização. É histórica e dá sempre origem a um projeto de vida.
A fé tem, de facto, a marca da gratuidade. É da ordem e da lógica do dom. Não espera recompensa para dar o passo, não exige retribuição para se comprometer. Ao dom recebido responde sempre com a entrega confiante. É motivação, confiança, liberdade e compromisso. Nunca obrigação. Não é assim que a experimentamos!?
Para reavivar o dom do batismo, e, portanto, da fé, a Igreja aponta-nos, tradicionalmente, neste tempo de Quaresma, três grandes sinais ou atitudes: a oração, o jejum e a partilha. Não se trata de “mínimos legais” para um qualquer acesso a um mundo desejado. São antes a oportunidade e ocasião da redescoberta da fé. Reza-se para ouvir Deus e Lhe falar, para descobrirmos que não nos faz bem a loucura de querer ocupar o lugar que só Deus pode ter. Jejua-se para percebermos que há muitas coisas com as quais não podemos nunca confundir-nos ou até misturar-nos. Partilha-se para descobrirmos e saborearmos o gosto de nos sabermos amados e acompanhados em cada passo da vida.
Há tanto aborrecimento por falta de objetivos! Há tanto luxo por falta de disponibilidade! Há tanta solidão por falta de olhar para fora de si mesmo! E, neste caminho, a Palavra de Deus, a celebração do perdão e da reconciliação, a participação na Eucaristia mostram-nos a paixão de Cristo por nosso amor e surpreendem-nos com a conversão. O Santo Padre, na esperança de que “o nosso coração volte a inflamar-se de fé, esperança e amor”, convida-nos também a “empreender com ardor o caminho da Quaresma apoiados na esmola, no jejum e na oração”, recorda-nos a iniciativa das “24 horas para o Senhor” que este ano decorre no dia 9 e 10 de março, e pede-nos que, em cada Diocese, pelo menos uma igreja fique aberta durante 24 horas consecutivas, oferecendo a possibilidade de adoração e da confissão sacramental.
Nesta Quaresma poderíamos, por isso, eleger como grande propósito da nossa caminhada a redescoberta e o reavivar da nossa fé cristã. Cristãos de prática dita regular, comprometidos em Comunidades e em Movimentos, ou Cristãos mais ao longe, sem regularidade de presença e, sobretudo, sem serenidade de pertença, poderíamos viver este tempo como um regresso à casa em que fomos batizados.
Nos últimos tempos muita coisa mudou, é verdade. A nossa fé andou por dentro e por fora das mudanças. E a grande pergunta é se as mudanças a enriqueceram ou a empobreceram. Não nos sentimos, muitas vezes, numa paisagem e numa sociedade de tipo agnóstico? Não nos damos conta de que esse agnosticismo pode perpassar ou perpassa já a nossa fé cristã? As nossas incertezas, as nossas desconfianças, as nossas dúvidas, o estilhaçar das nossas seguranças, as dificuldades da nossa comunhão, a nossa exclusiva autoconfiança, a representação que fazemos de Deus, as resistências ao sentido de pertença à Igreja, a nossa vivência dos sacramentos por tradição, as eucaristias distraídas, o sentido apenas abstrato da nossa vocação à santidade, as nossas dificuldades em rezar, dificuldades silenciosamente vividas, vividas a par dos ritos cristãos mas dando sempre corpo às nossas escolhas… tudo isto, e o mais que quisermos acrescentar, não nos deixa aquela sensação de que o agnosticismo também ataca fortemente o coração da nossa própria fé cristã? E nos tira força, e nos faz esmorecer na alegria de sermos cristãos e no entusiasmo da primeira hora?
Tempo de descobrir e redescobrir Jesus Cristo, de reavivar a fé, de refontalizar as nossas vidas, a Quaresma é tempo de descobrir e redescobrir a essência do Cristianismo (cf. Elmar Salmann). Crês em Jesus Cristo!? Creio! Firmemente!
Quaresma é, por isso, o tempo favorável da abertura do nosso coração a Deus: uma oração mais confiante, uma simplicidade mais natural, uma partilha mais alegre, a ensinar e a viver também em família. Deus espera por nós! Os outros esperam por nós. E nós temos necessidade de reavivar a fé para não perdermos o sentido da vida e da nossa integração na Igreja.
Destinamos 75% da Renúncia Quaresmal deste ano para a construção de um Centro de Saúde na Arquidiocese de Kananga, Província do Kasai Central na República Democrática do Congo. O objetivo deste Centro de Saúde é, sobretudo, socorrer as crianças roubadas às famílias e usadas como soldados ou que perderam os seus pais na guerra. Temos na nossa Diocese de Portalegre-Castelo Branco um sacerdote desse país a trabalhar na zona pastoral de Nisa. Aí, nesse país, “as pessoas que acreditam demonstram uma grande fé no Senhor da vida” a quem gritam “na dor e na angústia”, mas as atrocidades, os massacres, a instabilidade e o sofrimento são enormes, agravados ainda com as carências de todo o tipo. O próprio Papa Francisco, tendo em mente a República Democrática do Congo e o Sudão do Sul, convocou uma jornada mundial de oração e jejum pela paz, a 23 de fevereiro, primeira sexta-feira da Quaresma, à qual não devemos ficar indiferentes. Os outros 25% da Renúncia Quaresmal destinam-se ao Fundo Social Diocesano gerido pela Cáritas, um Fundo que prestou todo o seu apoio à reconstrução, e a outros gastos inerentes, de 14 casas de primeira habitação ardidas nos incêndios do verão passado na nossa Diocese, na zona do Pinhal. A todo o momento surgem novas necessidades na Diocese.
Antonino Dias, Bispo Diocesano

17 de fevereiro de 2018

Câmara Municipal promove sessão técnico-prática sobre reabilitação de infraestruturas de saneamento

Clicar na imagem para ampliar o Convite.
A Câmara Municipal de Castelo de Vide promove no próximo dia 23 de Fevereiro uma sessão técnico-prática aobre reabilitação de infraestruturas de saneamento. 
A iniciativa concretiza-se no Salão Nobre dos Paços do Cocelho em parceria com as empresas privadas  M5 Consultores de Engenharia e Limpacanal e incide sobre as "novas tecnologais para limpeza, inspeção, reparação e reabilitação de infraestruturas de água e esgotos", segundo refere o convite asindo pro António Pita. © NCV

Proposta municipal de fim-de-semana: uma visita à "Vila Medieval - Cidadezinha Moderna"

“Depois da folia do Carnaval, a nossa sugestão vai para um passeio até ao Burgo Medieval de Castelo de Vide – "a vila medieval - cidadezinha moderna", de que nos fala João António Gordo, autor da publicação datada de 1943”.
Capa do trabalho
datilografado de J.A. Gordo
“Visite o Castelo, datado do séc. XIV; a entrada para o Castelo faz-se a SE, com barbacã, através de uma porta em arco quebrado, que através de um túnel dá acesso ao pátio - a designada Praça de Armas. É possível subir à Torre de Menagem e, da janela da Torre, ter uma das vistas mais bonitas para a vila de Castelo de Vide. A Praça de Armas permite ainda o acesso ao Núcleo Museológico do Megalitismo, onde o visitante pode aprofundar conhecimento sobre este riquíssimo património do Concelho de Castelo de Vide. (Horário: 9h00 – 13h00 / 14h00 – 17h00)”.
“Passeie depois pelas ruas estreitas e sinuosas do burgo, observando as Portas da Vila e de S. Pedro, a calçada da Rua Direita, a fachada da Igreja de Nossa Senhora da Alegria (séc. XVII), os portais góticos de algumas casas e claro, o edifício da Casa da Câmara, datado do séc. XV. Bom passeio!”. © CMCV/NCV

16 de fevereiro de 2018

Daniel Carreiras da Silva e Diogo Cúmano no Congresso do PSD este fim-de-semana em Lisboa














O presidente da Comissão Política da Secção Concelhia do PSD de Castelo de Vide, Daniel Carreiras da Silva, ex-vice-presidente da Câmara Municipal e atual deputado municipal participa este fim-de-semana no Congresso Nacional do PSD como delegado eleito em Janeiro passado pela estrutura local (vd notícia
AQUI).

Por outro lado, também Diogo Cúmano, Presidente da Comissão Política Distrital da JSD e deputado na Assembleia Municipal de Castelo de Vide, vai participar no Congresso Nacional enquanto Conselheiro Nacional do PSD. 
A JSD distrital estará também representada por Bernardo Matos Rosa, Presidente da Mesa do Congresso da JSD Distrital de Portalegre.
Este Congresso fica marcado pela transferência da presidência do Partido de Pedro Passos Coelho para Rui Rio. Recorda-se que, nas eleições diretas de Janeiro passado, foi Santana Lopes quem ganhou em Castelo de Vide a Rui Rio por 14 votos contra 4.
Eleições locais em Março
Os atuais órgãos sociais do PSD em Castelo de Vide foram eleitos em Março de 2016 pelo que se deverão realizar novas eleições durante o próximo mês. © NCV